terça-feira, dezembro 26, 2006

Amanhã eu vou...

Escrever um verso sobre os poetas e homens livres
Falar sobre a luz mágica do sertão
E o calor humano dos sertanejos

Amanhã eu vou
Cantar a música que vem do fundo
Da terra seca, do vento quente e da voz estridente

Vou fechar os olhos e ouvir
As crianças gritando "Galeguinha", "Minha mãezinha"
Mãezinha? Lá fui mãe, sim
E amiga
Amante
Parceira
Respirei poeira
Comi macaxeira

Amanhã eu vou
Tentar colocar tudo em ordem
(de novo, mais uma vez, quem sabe, fazer uma lista?)
A fonte secou
Amanhã eu vou. Ou não vou?
Ou já fui?
Acabou.

2 comentários:

André Luiz disse...

Que lindo!!! E o sarau como foi?

Dé disse...

amanhã você deveria colocar um texto novo.